Notícias

CNJ dá início à inspeção ordinária no TRF5

19/08/2019 - 16:14

A Corregedoria do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) deu início, nesta segunda (19), aos trabalhos de inspeção ordinária no Tribunal Regional Federal da 5ª Região – TRF5. Na solenidade de abertura, foi exibido um vídeo com o corregedor nacional, ministro Humberto Martins. Em mensagem gravada, dirigida a desembargadores, juízes federais, diretores e servidores do Tribunal, ele ressaltou a importância de se verificar o funcionamento dos setores administrativos e judiciais da Corte.

“A atuação da Corregedoria Nacional no TRF5 deve ser compreendida como uma ação voltada a conhecer de perto a realidade do Poder Judiciário federal, identificando seus problemas e boas práticas, assim como compreender suas dificuldades e desafios, de modo a possibilitar, cada vez mais, o aprimoramento do serviço prestado à população e ao jurisdicionado”, ressaltou o ministro.

Após a mensagem do corregedor, foi a vez de o presidente do TRF5, desembargador federal Vladimir Carvalho, dar as boas-vindas à equipe do CNJ. “O Tribunal está de portas abertas, tanto a parte administrativa, ligada à Presidência, quanto os três gabinetes escolhidos para serem inspecionados”, disse o magistrado, referindo-se aos gabinetes dos desembargadores federais Alexandre Luna, Rogério de Meneses Fialho e Fernando Braga. “O tribunal já está afeito a esse tipo trabalho.  O Conselho da Justiça Federal, desde que aqui cheguei, sempre tem feito correições. E, para nós, que mantemos o serviço em dia, que procuramos seguir todas as normas regulamentares, é uma honra recebê-los”, concluiu.

À frente dos trabalhos de inspeção e representando o ministro Humberto Martins, o juiz auxiliar coordenador da Corregedoria Nacional de Justiça, Márcio Luiz Coelho de Freitas, destacou a escolha do TRF5, por parte do órgão correcional, como o primeiro tribunal federal do País a ser selecionado para inspeção. “Acho que foi uma escolha muito feliz, porque, reconhecidamente, é um Tribunal eficiente, que atua muito corretamente na evolução tecnológica. Não à toa, o PJe tem sido desenvolvido conjuntamente com a 5ª Região”, comentou Freitas.

Além da Presidência e de três Gabinetes, também serão inspecionadas a Vice-Presidência, a Corregedoria, a Secretaria Administrativa e as Subsecretarias de Pessoal, de Tecnologia da Informação e de Controle Interno. Nesse período, os trabalhos forenses e os prazos processuais não serão suspensos.

O encerramento dos trabalhos de inspeção está previsto para quinta-feira (22), às 11h, no Salão do Pleno, com a presença já confirmada do ministro corregedor Humberto Martins. O resultado da inspeção integrará um relatório, no qual serão apresentadas as deficiências e as boas práticas encontradas no TRF5, além de recomendações às unidades para melhorar a prestação jurisdicional.

Atendimento ao público - Dentro dos trabalhos de inspeção, o CNJ realizou, na tarde de hoje (19), atendimento ao público, para receber reclamações, dúvidas e sugestões sobre processos judiciais e/ou administrativos do Tribunal.

Por: Divisão de Comunicação Social do TRF5 - comunicacaosocial@trf5.jus.br

Ícone: Enviar email Enviar por e-mail

Ícone: Imprimir Imprimir